Gate Capital Tower – a torre mais inclinada do mundo

Hyatt-Capital-Gate-Abu-Dhabi-Exterior-Skyline

Localizado em Abu Dhabi nos Emirados Árabes, encontra-se o arranha-céu Gate Capital, que possui o título de a torre mais inclinada do mundo, com uma inclinação de 18° para o oeste, sendo uma inclinação duas vezes maior que a da torre de Pisa na Itália e quatro vezes maior que a Torre de Suurhusen que até 2010 possuía o título de a torre mais inclinada do mundo.

CapitalGate7A Gate Capital possui 160 metros de altura e 35 andares, oferecendo 20 mil metros quadrados de espaços para escritórios, e um hotel cinco estrelas, o Hyatt Capital Gate. Desenvolvida pela Abu Dhabi National Exhibitions Company, projetada pelo escritório de arquitetura RMJM Dubai e construída pela Al Habtoor Engineering Enterprises, a construção tem uma área de 53.100 m², sua construção começou em setembro de 2007, foi concluída em 2011 e a inauguração foi em 21 de dezembro do mesmo ano.

A pressão gravitacional da torre é combatida por uma técnica chamada de núcleo pré-curvada, onde é utilizado um núcleo de concreto reforçado com aço um pouco fora do centro, onde foram utilizados 15 mil metros cúbicos de concreto armado e 10 mil toneladas de aço.

CapitalGateSectionA construção ainda conta com a ajuda de 490 estacas perfuradas em uma profundidade de 20 a 30 metros. A Torre encontra-se sobre uma base de sete metros de profundidade, composta por concreto e uma malha densa de aço reforçado. Na sua fundação foram utilizados 7.000 metros cúbicos de concreto.

Na edificação foi feito um exoesqueleto de aço conhecido por diagrid, para sustentar a estrutura.  Esse exoesqueleto é composto por aços em estruturas triangulares com vigas diagonais de suporte. O diagrid forma o átrio cônico interno do edifício, o que pode proporcionar ao espaço interno o recebimento de luz natural. Foram utilizadas 13.200 toneladas de aço, sendo 7.000 no sistema da diagrid.

Em sua fachada foram utilizadas 21.000 m² de vidro, forma mais de 12.500 placas de vidros moldados manualmente, de forma que cada uma fosse diferente da outra.

Abaixo você pode conferir o vídeo de propaganda da edificação e ainda pode conferir algumas fotos da construção:

 

Anúncios

Ponte Rio-Niterói

800px-Ponte_Rio-Niteroi01_2005-03-15

Hoje 4 de março a ponte Presidente Costa e Silva, popularmente conhecida como Ponte Rio-Niterói está fazendo 42 anos de sua inauguração.

Localizada na baiá de Guanabara no estado do rio de Janeiro, é a maior ponte construída no Brasil com 13.290 metros, seu maior pilar tem 72 metros, e por dia tem um fluxo de 140 mil veículos. Toda a estrutura pesa 1.250.000 toneladas, distribuídas em 102 pilares duplos cravados a 60 metros de profundidade na Baía de Guanabara, altura equivalente a um prédio de 12 andares.

Projeto da década de 20 para a ponte Rio-Niterói

Projeto da década de 20 para a ponte Rio-Niterói

Seu projeto começou em 1875, onde foi criado a ideia de se construir uma ponte ou um túnel, com a ideia de ligar os dois centros urbanos vizinhos, separados pela baía, que até então eram separados por uma viagem terrestre de 100 km, nessa época até o o imperador dom Pedro II chegou a contratar um engenheiro inglês para projetar um túnel na baía da Guanabara, só que ideia não vingou. Em 1963, foi criado um  grupo de trabalho para estudar um projeto para  a construção da rodoviária, e em 29 de dezembro de 1965, uma comissão executiva foi formada para cuidar do projeto definitivo de construção da uma ponte.

Rainha Elizabeth II desfilou pelo Rio de Janeiro em carro aberto – 1968

Rainha Elizabeth II desfilou pelo Rio de Janeiro em carro aberto – 1968

Em 23 de agosto de 1968, o Presidente Costa e Silva assinou o decreto que autorizava o projeto da construção da ponte, tendo como responsável pelas obras o consórcio Construtora Ferraz Cavalcanti, Construtora Brasileira de Estradas, Empresa de Melhoramentos e Construções S.A., Servix Engenharia S.A. que foi idealizado por Mário Andreazza (Ministro dos Transportes). A obra teve inicio em 9 de novembro de 1968, com a presença da Rainha do Reino Unido, Elizabeth II e de sua Alteza Real, o Príncipe Filipe, Duque de Edimburgo.

Mário Andreazza em visita a construção da Ponte Rio-Niterói, 1974

Mário Andreazza em visita a construção da Ponte Rio-Niterói, 1974

A apresentação oficial do projeto da Ponte Rio-Niterói aconteceu no dia 14 de novembro de 1968 na Escola de Engenharia da Universidade Católica de Petrópolis (UCP). Na cerimônia estavam presentes: o Presidente Costa e Silva, o Ministro Mário Andreazza, o engenheiro Eliseu Rezende, diretor do DNER e o Grão-Chanceler e Reitor da UCP, Dom José Fernandes Veloso. As obras tiveram início em janeiro de 1969.

Antônio Alves de Noronha Filho e Benjamin Ernani Diaz

Antônio Alves de Noronha Filho e Benjamin Ernani Diaz

A escolha da localização da ponte dentro da baía seguiu critérios técnicos, econômicos e de segurança. Era necessário se ter a menor extensão possível com menor custo , onde o fundo fosse adequado as fundações , onde o movimento das ondas,  marés  e  ventos não interferissem na segurança dos veículos e mais ” a   Marinha precisava de uma altura mínima de 60 metros para a passagem de navios, principalmente petroleiros, e a Aeronáutica, de uma altura máxima de 72 metros, por causa dos “cones” de aproximação dos aviões dos aeroportos do Galeão e Santos Dumont, onde ainda operavam os quadrimotores Electra, que chegavam a baixa altitude”

Em um teste de carga, feito em 24 de março de 1970, plataforma flutuante não resiste e leva à morte de oito pessoas, entre elas três engenheiros Arquivo – Ag O Globo

Em um teste de carga, feito em 24 de março de 1970, plataforma flutuante não resiste e leva à morte de oito pessoas, entre elas três engenheiros Arquivo – Ag O Globo

Durante as obras ocorreram vários acidentes que resultaram na morte de dezenas de operários e engenheiros que trabalhavam no local. As mortes, no entanto, não foram divulgadas por jornais e revistas da época, pois eram censuradas pelo regime militar.Mais de trinta pessoas perderam a vida durante as obras da Ponte Rio-Niterói, de acordo com jornais da época. Entretanto, muitos pesquisadores afirmam que o número de mortos é bem mais elevado.

A ligação rodoviária foi entregue em 4 de março de 1974, com extensão total de 13,29 km, dos quais 8,83 km são sobre a água, e 72 m de altura em seu ponto mais alto. Atualmente é considerada a maior ponte, em concreto protendido, do hemisfério sul e atualmente é a 11ª maior ponte do mundo. No ano em que foi concluída, era a segunda maior ponte do mundo, perdendo apenas para a Causeway do lago Pontchartrain nos Estados Unidos. Ela continuou no posto de segunda maior ponte do mundo até 1985 quando foi concluída a Ponte Penang na Malásia.

Operários comemoram a colocação do último vão da ponte, em 1973

Operários comemoram a colocação do último vão da ponte, em 1973

O projeto da ponte Rio Niterói foi preparado por um consórcio de duas empresas. A firma Noronha Engenharia, sediada no Rio de Janeiro, preparou o projeto dos acessos no Rio de Janeiro e em Niterói, assim como a ponte de concreto sobre o mar. A firma Howard, Needles, Tammen and Bergendorf, dos EUA, projetou o trecho dos vãos principais em estrutura de aço, incluindo as fundações e os pilares.

Inauguração da Ponte Rio-Niterói

Inauguração da Ponte Rio-Niterói

Toda a estrutura que foi utilizada nas obras da Ponte Rio-Niterói foi fabricada na Inglaterra em módulos que chegaram ao Brasil por transporte marítimo. Essa importação foi bastante difícil, devido ao movimento que havia na Baía de Guanabara.

Os engenheiros responsáveis pelo projeto da ponte de concreto foram Antônio Alves de Noronha Filho e Benjamin Ernani Diaz e o engenheiro responsável pela ponte de aço foi o americano James Graham.

Outro fato impressionante foi o volume de material usado. Se os sacos de cimento da obra fossem empilhados, teriam uma altura 1 500 vezes maior que a do Pão de Açúcar.

 

Confira abaixo algumas imagens da construção da ponte:

Marina Bay Sands – A construção da mais alta piscina do mundo

article-1289194-0A28EEFA000005DC-393_964x447

O Hotel Marina Bay Sands localizado em Cingapura possui no seu 56º andar a piscina mais alta do mundo, e ainda detêm o titulo do posto de empreendimento mais caro do mundo na área hoteleira, tendo custado US$5,5 bilhões.
sky-pool-twitter-header1A área da piscina foi nomeado como Sky Park, ela se encontra a 200 metros do chão e se encontra no ultimo andar de  três torres ligadas por uma especie de patio, que é considerada a a maior plataforma publica em balanco do mundo, a piscina  possui 150 metros de comprimento, e foi construída com uma borda infinita, que dá a ilusão de que a piscina não termina e deságua no céu.

O Marina Bay Sands foi desenvolvido pela Las Vegas Sands, possui um casino completo, um hotel de 2.561 quartos, centro de convenções, shopping, um museu, dois grandes teatros, sete restaurantes. O complexo é coberto pelo Sky Park, que possui 340 metros de comprimento, com capacidade para 3.900 pessoas. O empreendimento foi concebido pela Aedas e o arquiteto responsavel foi Moshe Safdie, o serviço de engenharia foi realizado pela Arup e Parsons Brinkerhoff, e a empreiteira foi Ssangyoung Engineering and Construction.

Era para ter sido inaugurado em 2009, mas a obra enfrentou atrasos causados por causa dos custos de materiais e escassez de trabalhadores. Foi oficialmente inaugurado em 23 e 24 de julho de 2010.

Dados do Marina Bay Sands:

564aff848f348477b9e775f9Localização: Cingapura – Cingapura
Arquiteto : Safdie Architects, associado a Aedas Ltd
Altura: 207 metros (piscina a 200 metros de altura)
Área de construção do hotel = 249.843,00 m2
Área de construção total do empreendimento = 845.000,00 m2
Número de pavimentos: 57
Número de quartos do hotel: 2.561
Detalhes do Skypark: situado no 57º andar, a 200 metros de altura, tem comprimento total de 340 metros, 1 hectare de área, com balanço de 65 metros em relação a torre 3 do hotel. A piscina tem comprimento de 150 metros, sendo dividida por 2 decks molhados, os quais definem 3 áreas de piscina (2 piscinas adulto e 1 piscina para menores de 18 anos).

Confira abaixo fotos da construção das torres e da plataforma:

 

 

Danyang-Kunshan maior ponte do mundo

Weinan-Weihe-Grand-Bridge

Danyang – Kunshan liga as cidades de Shangai e Nanjing na província de Jiangsu na China Oriental. Com impressionantes 165 quilômetros sobre terra e mar e uma média de 31 metros acima do chão, é considerada a maior ponte do mundo. A ponte faz parte da ferrovia de alta velocidade que corre entre Shangai e Nanjing, essa ferrovia ainda passa pelo viaduto Langfang-Qingxian de 114 km é considerada com a segunda ponte mais longa do mundo.

Construída em apenas 4 anos sendo concluída em 2011, empregando 10.000 trabalhadores, com um custo total de US$ 8.5 milhões (R$ 20 bilhões), a Danyang – Kunshan atravessa plantações de arroz, parte do Delta do Rio Yangtze e cruza o mar aberto de Yangcheng Lake em Suzhou.

A China tornou-se especialista em construções de pontes, eles detêm o primeiro, segundo e terceiro lugar das maiores pontes ferroviárias do mundo.

Lista das maiores pontes do mundo:      

  1. Ponte ferroviária Danyang-Kunshan  168Km (China Pequim-Shangai)
  2. Grande viaduto Ferroviário de Tianjin  113km (China Pequim-Shangai)
  3. Grande viaduto Ferroviário de Weinan Weihe  79km (China Pequim-Shangai)
  4. Ponte rodoviária Bang Expressway 54km (Thailandia)
  5. Ponte rodoviário da amizade 45km (Bahrein – Qatar ainda em construção)
  6. Ponte Qingdao (ou Haiwan) 42km (China)

Abaixo você pode conferir um vídeo sobre toda a extensão da ponte e algumas imagens:

 

 

O Canal do Panamá

images-cms-image-000422479

O Canal do Panamá é um canal artificial de navios, que liga o Oceano Atlântico ao Oceano Pacifico, possui 77,1 km de extensão e tem papel crucial na economia mundial por reduzir o tempo de viagem das cargas que desejam atravessar a América, evitando que os navios passem pela longa e perigosa rota do cabo Horn, no extremo sul da América do Sul. E é considerada uma das setes maravilhas do mundo moderno pela Sociedade Americana de Engenheiros Civis.

Sua obra começou em 1881 pela França construído pelo empresario e diplomata Ferdinand de Lesseps que também já havia construído o Canal de Suez do Egito, mas teve que parar devido a problemas de engenharia e pela alta taxa de mortalidade dos trabalhadores por doenças tropicais.

sem-tc3adtulo1Em 1904 os Estados Unidos assumiram  o projeto, e conseguiram construir o canal em 10 anos, sendo inaugurado em 15 de agosto de 1914. O projeto consistia em construir diversas eclusas durante todo o canal, até que John Frank Stevens o engenheiro-chefe da obra teve a ideia de criar um lago represado que encobriria um terço do trajeto. Assim, o número de eclusas foi diminuído e o projeto se tornou viável. A entrada do canal está alinhada ao nível do Oceano Atlântico e dá acesso a chamada eclusa 1, ela enche de água até que esteja nivelada com o outro trecho e segue até a eclusa 2, este processo se repete até que a embarcação chegue ao lago artificial, o lago Gatún que está 26 metros acima do nível do mar. Após atravessa-lo, ela chegará à outra eclusa alinhada com o lago represado e está eclusa perderá água até estar nivelada com a próxima eclusa, repetindo-se o processo até a embarcação chegar à última eclusa, que está nivelada ao Oceano Pacífico. O canal é de mão dupla, possibilitando ambos os sentidos, mas apenas um navio por vez em seu projeto original.

Alguns números sobre o Canal:

  • 14 mil embarcações usam o canal a cada ano. A travessia leva oito horas;
  • Hoje o canal do Panamá arrecada entre US$ 2 milhões e US$ 4 milhões ao dia. Por ano, são US$ 2 bilhões;
  • Para atravessar de um oceano a outro, os navios pagam em média US$ 100 mil, de acordo com a carga;
  • Foram usados mais de 13,6 milhões de quilos de explosivos para abrir caminho para construção do canal;
  • Durante a sua construção, houve épocas nas quais existiam mais de 43 mil pessoas trabalhando no canal;
  • São necessários 100 milhões de litros de água para encher cada câmera, onde os navios são elevados.

Confira abaixo um vídeo da travessia do canal:

Palm Islands

500 x 239

Localizadas em Dubai nos Emirados Árabes, se encontra o arquipélago Palm Islands, constituído por três ilhas artificias em forma de palmeiras, a Palm Jumeirah, a Palm Jebel e a Palm a Deira, as ilhas são os maiores projetos de saneamento do mundo e as maiores ilhas artificiais. Construídas pela Nakheel Properties, e com a contribuição da empreiteira holandesa Van Oord, que é uma das maiores especialistas na recuperação de terras, para fazer o planejamento da dragagem marinha.

As ilhas foram comissionadas pelo Xeique Mohammed bin Rashid Al Maktoum, com a finalidade de aumentar o turismo em Dubai.  O início da mega obra foi em 2001, tendo o seu fim projetado para entre 2011 e 2016. No entanto, já em 2006 os primeiros proprietários começaram a mudar-se para a ilha e em 2009 já estava em total funcionamento. O sucesso foi tão grande resolveu-se construir as duas outras ilhas a Palm Jebel Ali e a Palm Deira.

As ilhas são circundadas por quebra-mares em forma de lua crescente que diminuem o impacto das ondas. Foram levados em consideração para a construção de tais estruturas a força das ondas na região, as marés, os ventos e até mesmo os efeitos do aquecimento global. A areia dos quebra-mares foi revestida por um geotêxtil permeável que evita erosões. Continuar lendo

Prêmio o Edifício do Ano 2015

inrerlace_com_01_0

Nos dias 5 e 6 de novembro aconteceu em na Marina Bay Sands em Singapura o World Architecture Festival (WAF), foram reunidos mais de 2000 arquitetos e designers. No festival foi anunciado o prestigiado prêmio do Edifício Mundial do Ano (World Building of the Year), que foi atribuído para os escritórios OMA (Office for Metropolitan Architecture) e Buro Ole Scheeren que projetaram a cidade vertical The Interlace.

As edificações foram elogiada por Paul Finch, diretor do WAF por ser um exemplo de pensamento arquitetônico ousado e contemporâneo.

The Interlance está localizado em um terreno de oito hectares, no sudoeste de Singapura. Tem cerca de 170.000 m² de área bruta, o empreendimento conta com 31 blocos e um total de 1.040 unidades de apartamentos de tamanhos variados e espaços ao ar livre.

O edifício foi construído sob estratégias de design que pretendem, por exemplo, que os pátios estejam orientados para a luz do dia para proporcionar um maior conforto, sendo que por sua vez o layout aberto pretende promover as oportunidades de interação social entre os moradores.

Abaixo voce confere um video da construção da cidade vertical e também algumas imagens da edificação:

Construção do Eurotúnel

eurostar

 

O Eurotúnel inaugurado em 1994 localizado no Canal da Mancha, que liga Coquelles no norte da França á Folkestone no sul da Inglaterra, é considerado o túnel submarino mais longo do mundo, com 50,5 km de comprimento, e desses 37,9 km estão localizados debaixo do mar, o ponto mais baixo fica a 75m de profundidade. Também é o terceiro maior túnel ferroviário do mundo, sendo ultrapassado pelo Túnel de Seikan (53,85 km) no Japão e pelo Túnel de base de São Gotardo (57km), na Suíça.eurotunel3f17225d46990e0ca4187b2fa60082209

Por setes anos e como 13 mil trabalhadores foram feitas as escavações, usando grandes maquinas tuneladoras TBM, (tunnel boring machine), foram utilizadas 11 escavadeiras, que partiram simultaneamente, de Coquelles e Folkstone, que retiravam a terra pela parte frontal que girava para perfurar a terra e logo após da retirada dessa terra, escoravam as paredes com concreto.

Quase 4 milhões de metros cúbicos de cal foram escavados só do lado inglês; a maior parte foi deitada ao mar em Shakespeare Cliff, perto de Folkestone tendo com isso, roubado ao mar cerca de 360 000 m².

Antes das escavações, os projetistas utilizaram sonares, radares e explosões de dinamite para definir o ponto do subsolo que os túneis seriam construídos, a opção foi uma faixa de rocha calcaria porosa e macia.595px-Eurotunnel_schema.svg

O Túnel da Mancha é constituído por 3 túneis paralelos, dois principais ferroviários com 7,6 m de diâmetro cada um e um menor de acesso com 4,8 m diâmetro e distante em 15 m dos outros dois. Este túnel de acesso, que é servido por veículos pequenos, é ligado aos outros através de passagens transversais em intervalos regulares para permitir que os trabalhadores da manutenção tenham acesso aos túneis principais e para fornecer uma saída de emergência em caso de acidente.

Hoje, o Eurotúnel transporta mais de 7.000.000 pessoas por ano. Os passageiros e os veículos automóveis (ligeiros e pesados) são transportados por um serviço de comboios, ou trens, geridos pela companhia Eurotúnel. O trajeto dura apenas 35 minutos em uma velocidade média de 160 km/h.

A Sociedade Americana de Engenheiros Civis declarou o túnel uma das sete maravilhas do mundo moderno.
Confira abaixo algumas fotos da construção do túnel:

 

Hero Brigde na China

size_810_16_9_ponte-china
Quem se lembra da postagem da maior ponte para pedestre suspensa do mundo, na Russia? Provavelmente lembra que ela é assustadora só de olhar a fotos, mas acredito que não seja tao assim quanto a mais nova ponte de vidro da China, a Hero Bridge.

A ponte foi inaugurada na semana passada em Zhangjiajie Grand Canyon, na província de Hunan, no centro da China, e liga dois picos no Shiniuzhai Geopark. as montanhas soa parte dol Parque Geológico Nacional Shiniuzhai, que oferece muitos pontos de vista de tirar o folego e apresenta algumas plantas raras e uma grande diversidade ecológica. Nesse mesmo parque se encontra as montanhas que inspiraram as “Avatar Hallelujah Mountain” do filme Avatar de James Cameron.

Os criadores dessa ponte, estão confiantes em dizer que esta é a mais longa e mais alta ponte de vidro do mundo. Criada pelo arquiteto Tel Aviv Haim Dotan, sobre a ponte ele fala que: “Eu acredito na natureza, harmonia. equilibro e beleza. A natureza é bela como ela é. A ponte de vidro Zhangjiajie foi projetada para ser o mais invisível possível – uma ponte branca desaparecendo nas nuvens”.

Cada painel de vidro tem 24 mm de espessura, construídos em vidraças duplas, pesando cerca de 136 kg, o que os tornam 25 vezes mais fortes do que uma peça média de vidro.  A ponte suporta o peso de até 800 visitantes de uma vez, mas por segurança é bem restringido o numero de pessoas que cruzam ela.

Abaixo você pode conferir um vídeo e fotos da construção da ponte:

Fonte: Exame, Inquisitr, Georgia Newsday

 

 

 

 

Os prédios mais altos do Brasil

cidade

Os prédios mais altos do Brasil

As mais altas estruturas do Brasil localizam-se, em sua maioria, em São Paulo. Dos 10 prédios, 5 estão na terra da garoa. Porém, elas nem se comparam aos prédios mais altos do mundo. O Burj Khalifa é o maior do mundo com 828 metros de altura, enquanto o maior do Brasil, Millennium Palace, mede 177 metros.

Confira abaixo a lista dos 10 maiores prédios do país:

Millennium_Palace_-_Balneário_CamboriúMillennium Palace, Balneário Camboriú, Santa Catarina

O Millennium Palace é o edifício mais alto do Brasil, com 177,3 metros de altura e 52 andares. Localizado no número 2 690 da Avenida Atlântica, na área central da praia de Balneário Camboriú, em Santa Catarina e inaugurado em 9 de agosto de 2014, o Millennium Palace superou o Mirante do Vale, edifício de São Paulo com 170 metros de altura, que foi por quarenta e oito anos o mais alto do Brasil.

O Millennium Palace foi erguido pela Construtora FG e tem quase o dobro da altura dos prédios vizinhos e foi construído com materiais de alto padrão e tecnologia de ponta, somando um dos maiores valores de investimento do Sul do Brasil. O edifício tem um apartamento por andar, com pé-direito de 3,5 metros de altura e piscina privativa em cada apartamento com vista para o mar, a um custo de cerca de dez milhões de reais por apartamento.

Três elevadores servem os moradores, que ainda dispões de um bicicletário, gerador próprio de energia e captação de água pluvial para limpeza das áreas comuns. Na área de lazer, o prédio conta com duas piscinas (uma externa e uma interna, aquecida), salão de festas com vista para o mar, cinema, lan house, lounge e pista de dança com vista para o mar, entre outras facilidades.

dsc016261Mirante do Vale (Palácio W. Zarzur), São Paulo

O Edifício Condomínio Mirante do Vale possui 170 metros de altura, 50 andares e 12 elevadores. É um edifício misto, residencial e comercial. Foi inaugurado em 1966, após 5 anos de construção. Localiza-se no Vale do Anhangabaú, em São Paulo.

Dados e números do Mirante do Vale:

  • 170 metros de altura
  • 51 andares
  • Início da construção: 1960
  • Término da construção: 1966
  • 75 mil metros quadrados de área construída
  • 12 elevadores (velocidade de 320 metros por minuto)
  • 2 escadas rolantes
  • 146 lojas
  • 812 salas comerciais
  • 60 salões comerciais
  • Trabalham 10 mil funcionários
  • Circulação diária de um público de 30 mil visitantes
  • Restaurante: Instalado no 45.º andar
  • Mirante: 46.º ao 50.º andar
  • Heliporto: 51.º andar (capacidade da pista de pouso: 700 m)
  • Concreto: 20 mil m³
  • Cimento: 250 mil sacos
  • Ferro: 5 mil toneladas
  • Vidro e caixilhos: 25 mil m²
  • Fundações: Sobre estacas a 20 metros de profundidade
  • Luz e Força: Consumo/hora de energia elétrica previsto de 5 mil quilowatts

Continuar lendo